quinta-feira, 6 de agosto de 2015


Quando passo muito tempo sem ver o André (N), esqueço-me que ele já não é a mesma pessoa que eu conheci... mas sempre que saímos no mesmo grupo, ele faz questão de me relembrar. É incrível o quanto uma pessoa pode mudar.

Mais tarde publico pormenores sobre a longa noite de ontem.

Um comentário:

  1. Podes crer... senti isso na pele, mais do que uma vez até....

    ResponderExcluir

Seguidores

Google+ Followers

About me